Sistema Maxi de Ensino Edição nº 41 Novembro de 2007
Capa Índice Sugestões Edições Anteriores Grupo Maxi
Capa Londrina
Maxi Cuiabá
Comportamento
Fala Jovem
Leitura
Festival Cultural
Comunidade Japonesa
Ensino Médio
Inovação
Hora do Intervalo - Londrina
Hora do Intervalo - Cuiabá
Maxi Cultura
Maxi Cidadão
Sistema
Aconteceu no Maxi - Londrina
Aconteceu no Maxi - Cuiabá
Opinião
Índice
Capa Pequena
Inovação  
 
Maxi-Oitava! Uma nova proposta!
Nova proposta de ensino e aprendizagem será implantada em 2008 para os alunos da 8ª série do Ensino Fundamental.

 
null

O Colégio Maxi lança para 2008 a Maxi-Oitava, uma proposta diferenciada que favorece o processo de ensino e aprendizagem dos educandos da 8ª série do Ensino Fundamental, preparando-os para o ingresso no Ensino Médio.
Segundo o Diretor Pedagógico do Colégio Maxi, Virgílio Tomasetti Jr, o Ensino Médio possui uma dinâmica própria, fundamental para que os alunos ingressem nas universidades e conquistem um espaço no mercado de trabalho. No entanto, embora o ritmo e as ações sejam normais para este período da vida estudantil, os alunos que ingressam no Ensino Médio sentem a mudança: "Para alguns, a passagem é motivadora, pois representa mais liberdade e autonomia, além de novas amizades e novos desafios. Para outros, o processo é mais difícil. São novas disciplinas, carga horária ampliada, intervalo diferenciado e professores com uma nova postura, diferente daquilo a que estavam acostumados no Ensino Fundamental".
A Maxi-Oitava tem como objetivo favorecer o processo de transição da 8ª série do Fundamental para o1º ano do Ensino Médio, graduando o aluno para a nova fase de sua vida estudantil. Tomasetti afirma que as ações da Maxi-Oitava visam preparar o educando para que inicie a série subseqüente de maneira serena e natural: "Queremos aproximar os alunos da 8ª série do formato real do Ensino Médio para que possam antever e se familiarizar com as variações, diminuindo a ansiedade e o desgaste emocional dos primeiros meses de aula e eliminando possíveis dificuldades. Trata-se de uma proposta preventiva, que beneficia diretamente o aluno, melhorando seu rendimento escolar e suas relações sociais", analisa Tomasetti.
Na avaliação da psicóloga e Supervisora Pedagógica do Colégio Maxi, Celi Lovato, a Maxi-Oitava dará maior tranqüilidade para que os alunos assumam as responsabilidades inerentes à nova fase: "Queremos capacitar o aluno para administrar com segurança os desafios e o ritmo diferenciado do Ensino Médio. Será uma preparação gradativa e embasada num projeto psicopedagógico. Não podemos negar que a rotina dos estudantes do Ensino Médio é bem diferente. Os alunos deixam de ser cuidados e passam a ser supervisionados. Cabe a eles administrar seus estudos, seus horários, seus interesses e suas dúvidas. Os professores estão sempre à disposição para ajudar, apoiar e sanar qualquer dificuldade".

O que muda na Maxi-Oitava?

A partir de 2008, os alunos da 8ª série terão seis aulas diárias, com início às 7h15 e término às 12h15. O intervalo também muda, passando de um para dois tempos de descanso, de 15 minutos cada. Haverá aumento da carga horária para as áreas de conhecimento de Língua Portuguesa e Matemática, além do aumento das aulas de laboratório. Os estudantes terão acesso ao laboratório de Mecatrônica e farão simulados bimestrais nos moldes dos principais vestibulares e do Enem, colaborando com a familiarização dos alunos com essa proposta.
De acordo com o Diretor-Geral do Colégio Maxi, Ubiracy D'Andrea, a Maxi-Oitava potencializará o processo de aprendizagem: "É uma maneira de estabelecer uma ponte segura e eficaz para nossos alunos. Eles terão novos conteúdos de Química e Física e terão quatro aulas semanais para as avaliações, sendo duas na terça e duas na sexta-feira. Tudo isso visando ao aprimoramento de uma filosofia de trabalho. Temos uma maneira própria de formar os nossos alunos. A Maxi-Oitava exige novos investimentos, mas esse ônus não será repassado para nossos alunos, pois trata-se de um aprimoramento do Maxi, visando ao sucesso e à tranqüilidade do aluno".
D'Andrea ressalta a importância do surgimento de projetos que atendam aos interesses dos educandos: "A capacitação do quadro docente, aliada a uma moderna infra-estrutura, não basta para formar o aluno de hoje. O Maxi possui uma equipe pedagógica, composta por professores, coordenadores e diretores, que analisa o comportamento estudantil das crianças, dos adolescentes e dos jovens, propondo soluções que contribuam para o pleno desenvolvimento. Os professores do Maxi identificam e avaliam as dificuldades para favorecer a dinâmica das relações sociais e a assimilação do próprio conteúdo pedagógico. O que mais queremos é o bem-estar dos nossos alunos e a melhoria contínua nas condições de aprendizagem", conclui D'Andrea.
Manutenção e Atualização Agência Digital ICOMP®